“Meu nome é Walter O’Brien e eu tenho o 4º Q.I. mais alto já registrado: 197. O de Einstein era 160.”

scorpion_horiz_preview

Da esquerda para a direita: Sylvester, Happy, Toby, Walter, Paige e Cabe

Fala RESETER!! Já tentou imaginar como seria ser um gênio? Ter uma mente que processa, armazena e cria tudo muito mais rápido que a maioria do mundo seria demais, não?

A série que tem o mesmo diretor de “Velozes e Furiosos”, e escrita por Nick Santora – que também assinou Breakout Kings e Prison Break – acompanha a vida de quatro super-gênios, um agente da Segurança Nacional e uma ex-garçonete que são o único recurso para casos impossíveis de se resolverem.

MOTIVO 1 – ENREDO

“</scorpion>” traz um enredo muito inteligente, sem ser pesado, misturando ciência, suspense e ação sem perder o tom de realidade, a série tem tudo para te prender e fazer maratona sem cansar, com uma temática já utilizada, mas não desta forma, ela peca em alguns poucos momentos, forçando algumas situações impossíveis. Cada episódio traz um caso diferente, sempre interessantes.

scorpion-serie-zona-nerd

1ª e 2ª temporadas já na Netflix

Os episódio têm sempre o mesmo desenrolar, falando de forma ampla, em contrapartida a série te prende através de sua curiosidade, mesmo sabendo que a equipe consiga sempre resolver os problemas, você fica querendo saber como eles fazem e ainda, ao final de cada episódio, quem assiste sai sempre achando que aprendeu uma coisa nova com os gênios.

MOTIVO 2 – TEMÁTICA

O tema Policial/Investigativo, normalmente teria sido ignorado, por diversos fatores, taxado de tema ultrapassado, porém “</scorpion>” traz uma visão diferente, a série adiciona pessoas super dotadas e coloca o policial como ajudante, o mesmo que em séries como 24h é o herói lobo solitário que resolve quase tudo sozinho.

Outro ponto que diverge é que o personagem principal, apesar de se deixar claro que é o mais inteligente, ele NECESSITA da equipe em muitos, se não todos os momentos. “</scorpion>” traz a realidade de que ninguém resolve tudo sozinho, que todos, até mesmo os gênios, precisam de ajuda, a relação que se estabelece da equipe e Paige deixa isso bem claro.

Só eu acho Gallo muito velho pra equipe?

Só eu acho Gallo muito velho pra equipe?

MOTIVO 3 – CARGA DRAMÁTICA [SPOILER ALERT]

A série traz dramas para cada personagem, na maioria familiares, outros amorosos e outros psicológicos, e a forma como são apresentados e desenvolvidos é muito interessante.

Contrastando com o Chefe/Líder, Walter tem um lado muito mais sensível e frágil, ele tem uma irmã com uma doença degenerativa e sem cura nem tratamento. No decorrer de toda a primeira temporada, em paralelo as missões e problemas do dia a dia, Walter trabalha em um projeto para salvar a vida de sua irmã.

Sylvester tem vários TOCs e manias, vê-lo lidar com isso na série é bem engraçado, mas uma parte da carga dramática dele vem na família, a qual ele fugiu ainda garoto por não lidarem bem com ele (o pai queria um esportista, e não um nerd) e a outra é quando ele conhece a irmã de Walter e se apaixona por ela, indo de encontro a algumas atitudes de seu melhor amigo, Walter.

Não só essas, a série traz dramas para todos os personagens, muitas vezes ligando um ao outro, de forma boa ou ruim.

MOTIVO 4 – PERSONAGENS

Walter O’Brien – Um gênio da computação com QI de 197, fundador e líder da “</scorpion>”, possui sérios problemas relacionados a emoção e socialização com as pessoas, mas é como um pai para sua irmã, e pensa na sua equipe acima de tudo.

portada-page_12

Walter O’Brien, interpretado por Elyes Gabel

Sylvester Dodd – É uma calculadora humana, extremamente habilidoso em estatística. Sofre de TOC e é muito ansioso, muitas vezes medroso, porém em certos momentos pelo sucesso da missão, ou pelo bem de seus amigos, ele supera tais dificuldades. É de longe o mais infantil da equipe, mas com isso, torna todos um pouco mais humanos.

4_0

Sylvester Dodd, interpretado por Ari Stidham

Toby Curtis – É um behaviorista (parte da psicologia que estuda o comportamento humano) extremamente talentoso. Consegue analisar as pessoas em segundos e saber todas suas características, associando aos possíveis criminosos ou vítimas. Extremamente viciado em jogos, principalmente poker, porém pelo amor de sua vida, ele abandona esse males.

toby

Toby Curtis, interpretado por Eddie Kaye Thomas

Happy Quin – Uma engenheira mecânica de precisão, raciocina como uma engrenagem perfeita e conserta qualquer coisa. Objetiva e prática, sem delongas. Dificilmente demonstra algum sentimento, o que acaba machucando Toby, mas na verdade ela só os reprime por causa de seu passado.

happy-quinn

Happy Quin, interpretada por Jadyn Wong

Paige Dineen – Uma (ex)garçonete, e a mais normal da equipe. Ela serve como ponte entre o mundo normal e o mundo dos gênios. Além de ser mãe do Ralph, o pequeno gênio. Após conhecer Walter, eles estabelecem uma relação diferente, os dois se gostam, mas Walter vê isso como um problema para a “</scorpion>”.

paige-dineen

Paige Dineen, interpretada por Katharine McPhee

Ralph Dineen – Um gênio mirim, possivelmente tem o maior QI da equipe. Por causa da dificuldade de ter uma relação com a sociedade normal, enxergou na “</scorpion>”, sua família e em Walter, um pai e amigo, ajuda a equipe em vários momentos como qualquer outro membro.

ralph

Ralph Dineen, interpretado por Riley B. Smith

Cabe Gallo – Agente especial da Segurança Nacional, é o elo entre o governo e a equipe. Gallo foi quem recrutou Walter, quando ainda era criança para trabalhar na CIA. Enxerga Walter como filho.

cabe-gallo

Com atores bons, interpretando personagens carismáticos com um enredo de prender o público </Scorpion> está longe de poder ser chamada de ruim!

Agora que você já tem uma noção do que esperar, que tal ir lá na netflix e fazer aquela maratona para tirar suas próprias conclusões? Gostou? Compartilha no facebook! Descorda ou quer acrescentar algo? Comenta aí embaixo! E até o próximo review Reseter!