Fala Reseters, aqui quem fala é o Aodhe e hoje trataremos de uma questão que a muito tempo permeia o imaginário dos fãs de super heróis e ainda mais os fãs da DC Comics.

Quem realmente é a mascara? Bruce Wayne, bilionário e bon-vivant que deseja salvar sua cidade dos criminosos ou o Batman um vigilante implacável que necessita de uma face pública para esconder suas atividades?

Hi I´m Bruce Wayne

Um dos pilares da mitologia sobre Bruce Wayne é a escolha, sejam as escolha de bem e mal ou de vida e morte, a escolha de entrar no beco com seus pais lhe gerou a culpa, as crianças geralmente se sentem culpadas por eventos terríveis que ocorram ao seu redor e ao personalizar essa escolha ele se sente culpado pela morte de seus pais e isso é uma parte muito importante da mitologia do Batman.

Essa estória foi contada pela primeira vez na edição de novembro de 1939 da Detective Comics e foi continuamente incorporada cada vez que sua origem foi recontada, Bruce Wayne transformou seu trauma em força e se dedicou a fazer justiça pela morte de seus pais e proteger as pessoas e não trazer a vingança dos inocentes sobre os malfeitores.

I´m Batman

Munido de todo o equipamento que o dinheiro pode comprar e aplicando sua própria capacidade intelectual, o bilionário Bruce Wayne desenvolve seus aparatos para combater o crime nas noites de Gotham, o treinamento adquirido após exaustivos anos de busca surtem efeito e ele pode se tornar um símbolo não só de justiça, mas de medo para aqueles que ousam trazer dor aos inocentes.

Filmes, jogos, HQ´s e desenhos animados podem divergir sobre a forma com que esse treinamento ocorreu ou sobre a capacidade de uma única pessoa fazer isso, porém uma coisa permanece a mesma desde a criação do icônico personagem, seu autocontrole e sua disciplina.

Seja para alcançar o ápice do corpo humano ou para fingir ser uma pessoa que não é em meio da elite de Gotham, essas qualidades alçam o personagem à patamares quase sobre humanos, pelos sacrifícios físicos em prol de sua causa, as noites perdidas patrulhando incansavelmente a cidade abrindo mão de sua identidade por um alter ego visto por muitos como um criminoso.

A Máscara

Após anos de exposição a violência, a grande necessidade de estar preparado para todas as situações possíveis dada a falta de super poderes, o stress do dia a dia, uma coisa é certa a cada dia a Psiquê de Bruce Wayne é dividida entre sua vida normal e sua identidade secreta, o que levanta uma pergunta: Quem é verdadeiramente a Mascara? Bruce Wayne ou Batman, Quem é o verdadeiro homem? Qual sua personalidade real? Não seria o milionário o verdadeiro disfarce?

Muitos heróis dividem o questionamento de quem são em realidade, tomemos como exemplo o Homem sem medo, Matt Murdock, vindo da casa das ideias, suas ações como o Demolidor são baseadas em quem é o próprio Matt e seu alter ego apenas existe para proteger aqueles próximos de sí do infortúnio que seus inimigos possam lhes trazer.

Suas ações como o Demolidor são permeadas pela sua própria moralidade como Matt Murdock, na contra mão temos o herói que se veste de Homem, tomemos como exemplo a princesa de Themyscira e ultimo filho de Krypton, deidades cuja necessidade reside em se incluir no mundo mortal, por isso a existência de seus alter egos, as situações vexatórias que possam se encontrar ou mesmo a forma de superar seus problemas deixa bem claro que em realidade, Diana Prince e Clark Kent não passam de máscaras para esconder quem realmente são.

Porém no caso do morcego é diferente, pois existe uma luta interna do que é bom para Bruce Wayne e o que é certo para o Batman e essas duas coisas, nem sempre são compatíveis.

Podemos ver facilmente Bruce Wayne sendo o bilionário excêntrico que muitas pessoas poderiam dizer que é uma máscara, mas também temos o Bruce Wayne quando ele não esta interpretando esse papel, sua preocupação com seus amigos sejam eles heróis ou não, e temos o Batman, esteja ele de uniforme ou não, é visível até mesmo a interação entre esses três personagens da mesma psique.

I am the Night

Muitos psicólogos falam dos diferentes papéis que temos em nosso dia a dia, o papel que temos como pais, como filhos, a que temos com nossos colegas de trabalho e amigos e com aqueles abaixo e acima de nós em nossas relações de trabalho, mas é a soma disso que diz quem realmente somos.

Em resumo a resposta para a questão da matéria seria que Bruce Wayne é a mascara, pois os anos de treinamento e disciplina o moldaram para ser quem ele é hoje, e hoje ele é o Batman, deixando sua vida para trás e incorporando seu alter ego em sua vida diária.

Essa seria a resposta mais legal, porém isso deixa em aberto o que define o personagem e para isso precisamos definir o âmago do personagem e lá vemos que reside a humanidade de Bruce Wayne, isso é o que permite o Batman ser o Batman e não cruzar a linha, pois sua experiência como Bruce, seus traumas anteriores é o que alimenta ambos a seguirem em frente apostar sua vida a cada noite.

O Batman é apenas mais um dos instrumentos utilizados por Bruce Wayne para fazer o que ele faz de melhor, trazer justiça as ruas de Gotham.

Só mais uma coisa: Se curtiu, dê um like, compartilhe e converse conosco quem você acha que é a mascara? Nos dê os seus motivos.

About The Author